Pousada Marhesias

(91) 991123461 ou (91)991129517

Rua Bertoldo Costa nº 47 centro

Vila de algodoal

Maracanã

© 2015 by  bergot 

Como chegar na ilha de Algodoal 

Uma  ilha no norte do Brasil,  refúgio perfeito para dias inesquecíveis de descanso. Essa região é um destino preservado. Seu nome é na verdade ilha de Maiandeua, mas muitas vezes o nome da vila,( Algodoal) se sobrepõe por ser a porta de entrada principal. Algodoal é a maior e uma das quatro vilas que compõe a ilha, tendo a maior estrutura de hospedagens, mercearias e restaurantes.

Algodoal não tem asfalto nem veículos motorizados. Charretes, bicicletas e barcos são as únicas alternativas de transporte. Ao todo, estimam-se no máximo 2 mil habitantes em toda a região. São inúmeras praias, igarapés, rios e lagoas que encantam os turistas que escolheram a ilha como destino. Um lugar perfeito para relaxar e descansar em um sossego absoluto. Você pode conhecer a ilha navegando em passeios de barcos regionais e canoas motorizadas, não há agência que faz passeio. Esses serviços são oferecidos pelos canoeiros, nativos que fazem o trabalho de guias e mostram os cantinhos mais legais da ilha. Tudo ainda é muito tradicional e igualmente encantador. 

Partindo de Belém são cerca de 3 horas e meia até o municipio de Maruda, no município litorâneo de Marapanim. A cidade conta com estradas bem sinalizadas e também pode ser acessada por ônibus rodoviário que sai de Belém e de interiores próximos, como Castanhal – o mais conhecido deles. No porto principal de Maruda, embarcações fazem a travessia do continente até a ilha. A viagem dura cerca de 45 minutos e tem saídas diárias em horários que podem alternar conforme a maré, sendo o último por volta das 17h30. Recomenda-se chegar cedo, para não correr o risco de perder a embarcação que faz essa travessia.